Como medir o ROI das campanhas internas? Confira!

Como medir o ROI das campanhas internas
7 minutos para ler

As organizações que têm uma comunicação efetiva com seus colaboradores apresentam um retorno sobre o investimento 47% maior, se comparadas com aquelas com baixa eficiência na comunicação, segundo estudo da Consultoria Towers Watson.

Apesar de ter sido feito há 10 anos, com a crise de saúde mundial ocasionada pelo Covid-19, essa pesquisa ainda é bem atual, pois trata sobre como a comunicação efetiva impacta os resultados do negócio em momentos desafiantes.

Em tempos difíceis, a comunicação organizacional assume um papel ainda mais estratégico. Mais do que nunca, ela deve atuar de forma rápida e certeira. Para tanto, é preciso mensurar o desempenho do plano de ação.

Mas como medir o ROI das campanhas internas? Aprenda, agora, a maneira de fazer isso e colocar em prática estratégias para minimizar o impacto da crise na cultura do seu negócio!

O que são as campanhas internas?

A Comunicação Corporativa é o segmento do negócio que tem mais interface com o departamento de Recursos Humanos e é fundamental para a eficiência da estratégia macro da plataforma de negócio. Ela é responsável por alinhar as expectativas da marca e dos colaboradores, implementando ações de engajamento para fortalecer a cultura do negócio.

Desse modo, as campanhas internas são as ações desenvolvidas pela equipe de Comunicação para potencializar a sensação de pertencimento por parte dos colaboradores e, assim, atuar em:

  • aumento da produtividade;
  • redução de custos operacionais;
  • diminuição do turnover (rotatividade);
  • otimização do employee experience (experiência do colaborador);
  • fortalecimento do employer branding (marca empregadora).

Para que elas alcancem o alvo, é essencial serem feitas a partir da coleta de dados dos seus colaboradores (People Analytics) e do resultado da performance do ROI de campanhas internas anteriores. Dessa forma, é possível construir ações com a linguagem e canais mais aderentes aos perfis de público presentes no seu headcount (quadro de pessoal).

Por que é importante mensurar o ROI?

Como medir o ROI das campanhas internas

Os profissionais de humanas podem deixar os indicadores de lado, isso pode ser o motivo de as ações não se tornarem efetivas. O ROI (Return on Investiment, ou Retorno sobre o Investimento) é uma métrica muito familiar para aqueles com o costume de trabalhar na área financeira e precisa fazer parte da rotina produtiva dos profissionais de comunicação.

Esse indicador permite avaliar a eficácia das estratégias de comunicação corporativa para o negócio. Ele pode ser usado para mensurar estratégias pontuais, como as campanhas internas, ou o desempenho macro do setor de comunicação. É interessante que ele seja aplicado nas campanhas internas, uma vez que pode funcionar como um “termômetro” para o gestor e por não “camuflar” ações ineficazes, como é possível no ROI da área.

Saber como medir o ROI das campanhas internas e fazer o seu acompanhamento é essencial, pois, o direcionamento da gestão pode ser corrigido caso sejam constadas ações sem o retorno esperado. Assim, pode-se potencializar a performance da área e refletir isso para todos os departamentos da empresa.

Como se pode medir as campanhas?

Quando falamos de estatística, já pensamos em cálculos complexos, não é verdade? Na prática, para chegar ao valor do ROI, a fórmula não é difícil. Basta subtrair a receita pelo custo total e dividir o resultado também pelo custo total. A expressão matemática é a seguinte: ROI = (Receita – Custo)/(Custo).

Agora, o que é difícil é identificar quais são os custos envolvidos na criação das campanhas e qual a receita gerada. Por quê? Geralmente, a receita é mensurada pelo valor monetário produzido após a implementação do plano, mas há outros ganhos para o negócio não vistos objetivamente no faturamento.

Além do retorno financeiro sobre o investimento, a Comunicação Interna pode — e deve — acompanhar outros indicadores-chave para a performance (KPIs). Para se ter o panorama real do seu negócio, é essencial monitorar e cruzar dados sobre o People Analytics, como a taxa de turnover e os gastos com processo seletivo e os de Comunicação propriamente ditos, como o clima organizacional. Abaixo, confira outros KPIs fundamentais.

Feedback

Conhecer as necessidades dos colaboradores e medir a satisfação deles em relação às suas estratégias é o melhor caminho para otimizá-las. Faça pesquisas para colher o feedback do headcount: dê voz para os seus colaboradores. Contar com um software que deixe o colaborador confortável para compartilhar suas ideias e, ainda, ter o relatório dos dados é interessante não só para melhorar o ROI, mas para atuar na gestão estratégica de pessoas.

Produtividade

Esse é um indicador de People Analytics que apresenta alta interface com as ações de Comunicação. Lembra que falamos que tal setor tem um papel extremamente estratégico para o negócio? Então, quando as suas ações são eficientes, a Comunicação Corporativa atua diretamente na produtividade dos colaboradores, demonstrando uma melhora na performance.

Engajamento

O engajamento é uma métrica que tem correlação com a eficácia das ações de Comunicação Interna, uma vez que ela é resultado do alinhamento das expectativas. Quando existe um diálogo claro e objetivo entre a companhia e seus líderes e liderados, o aumento do engajamento é evidente. Uma forma de se fazer isso é calcular o eNPS (Employee Net Promoter Score, ou Índice do Colaborador Promotor).

Como a Robbyson pode contribuir?

Lidar com pessoas é um desafio enorme e, por isso, não é fácil fazer o gerenciamento de negócios. Afinal, eles são efetuados por indivíduos e para eles, não é verdade? O cliente interno, ou seja, o seu colaborador, é o responsável por transmitir aos consumidores quais são os valores da sua marca.

Quando isso não está bem alinhado, se existem gaps na cultura da empresa, a experiência do cliente é impactada negativamente. Isso, muitas vezes, é o motivo para muitos empreendimentos não apresentarem um bom desempenho financeiro. Entender como medir o ROI das campanhas internas é essencial para que situações como essas não sejam recorrentes.

Com a Robbyson fica mais fácil fazer a gestão estratégica de pessoas e coletar dados relevantes para as tomadas de decisões, tanto no gerenciamento setorial como na definição de um planejamento de Comunicação Corporativa. Ela permite que o gestor tenha mais propriedade para gerenciar de forma inteligente.

A plataforma é direcionada para o People Management e desenvolvida para potencializar a capacidade produtiva do seu capital humano. Usando a tecnologia de machine learning (aprendizado de máquina) e a inteligência artificial, dados sobre os colaboradores são gerados e análises preditivas feitas.

O mais interessante é que a Robbyson não é realizada somente para o gestor: o liderado acompanha o seu desenvolvimento profissional por meio da estratégia de gamificação. Ele se torna protagonista da sua trajetória, e o senso de meritocracia é estimulado. Tudo isso contribui para o engajamento.

Simplificando o ROI

Além de tudo isso, se você achou trabalhoso como medir o ROI das campanhas internas, fique tranquilo! A plataforma efetua esse cálculo para você e o auxilia a tomar decisões mais inteligentes para o desempenho da organização. Assim, as suas campanhas de incentivo terão um retorno positivo e os investimentos serão sempre maiores — afinal, o departamento consegue provar para o negócio que as suas ações impactam positivamente o desempenho financeiro da companhia.

Agora é a hora de elevar o seu negócio a outro patamar! Conquiste a alta performance com o gerenciamento estratégico de pessoas: entre em contato conosco e conheça mais como a Robbyson pode ser essencial para a sua empresa!

Você também pode gostar

Deixe um comentário