Implementação da Robbyson: quanto tempo demora esse processo?

implementação da robbyson
6 minutos para ler

A gestão estratégica de pessoas deve ser uma meta dentro de qualquer empresa. Afinal, só assim é possível tirar o máximo da sua equipe. Mas isso não é uma tarefa tão simples de ser feita. Primeiro, é preciso definir uma plataforma e, depois, ainda realizar a adaptação de todo o ambiente e profissionais da companhia. A implementação da Robbyson, porém, otimiza todo esse processo.

Com uma solução totalmente customizada para as necessidades dos seus clientes, o tempo de implementação é acelerado. Da assinatura dos contratos até a utilização na prática, tudo é feito de forma a facilitar a adaptação e o entendimento entre as duas partes. Assim, os gestores conseguem compreender melhor como o trabalho pode ser feito, otimizando o rendimento de todos.

Que tal, então, tirar todas as suas dúvidas sobre o processo de implementação da Robbyson e os diferenciais da plataforma? Acompanhe a leitura deste artigo e saiba mais!

Entenda mais sobre a Robbyson

Antes de entender o processo de implementação da Robbyson, é preciso conhecer mais sobre a própria ferramenta, certo? Utilizando ciência de dados, machine learning e gamificação como base do seu funcionamento, ela é uma plataforma completa de People Management. A partir dessas estratégias, o gestor tem acesso ao desempenho detalhado de toda a sua equipe.

Todos os seus recursos são voltados para entregar uma visão clara da empresa. Ou seja, o gestor consegue identificar — e metrificar — o rendimento de cada membro da sua equipe. Criando um processo mais humanizado, a meritocracia pode ser otimizada, o que contribui diretamente, por exemplo, para a felicidade dos profissionais e também na retenção de talentos.

Saiba como funciona a implementação da Robbyson

implementação da robbyson

Muitos gestores têm dúvidas em relação ao processo de implementação de uma plataforma de comunicação dentro da sua empresa. Segundo Lawrence Klein, executivo de Gestão e Estratégia da Robbyson, após a etapa comercial e a assinatura do contrato, o primeiro passo é uma análise completa da estrutura anterior do cliente e já é feita uma pequena amostra da ferramenta.

“Dentro dessa etapa, nós conhecemos o negócio do cliente e ele, por sua vez, conhece a nossa inteligência em parametrizar. Utilizamos a definição que ele entende como meta e exportamos para a Robbyson. E nessa comparação ele já consegue identificar um diferencial, já que são mostrados níveis de desempenho dentro da sua equipe que ele nem imaginava existir”.

A primeira etapa, portanto, consiste na troca de conhecimento entre as duas partes. Cada lado entende o funcionamento do outro, adaptações são feitas e os recursos e parâmetros a serem utilizados são definidos. Depois, é hora de capacitar os gestores no módulo ghost, apenas para ambientar os profissionais, sem funcionamento para a equipe.

“Apesar da usabilidade da ferramenta, é iniciado um processo de capacitação focado nos gestores que vão utilizá-la para tirar insights, definir metas ou customizar a gamificação. Com toda a configuração definida, os usuários finais — os colaboradores — são informados sobre a plataforma. Todo esse processo de implementação dura, em média, 30 dias”.

Durante o período de isolamento social, o home office se tornou uma alternativa adotada entre a maioria das empresas. Segundo Klein, o mesmo vale para o processo de implementação da Robbyson.

“Com o aumento da necessidade pelo modelo de home office, a implementação também pode acontecer de forma 100% remota. Amadurecemos esse processo no período e tudo é feito a distância. Na parte de capacitação, por exemplo, usamos salas virtuais já com material e didática estabelecidos para conseguirmos ajudar os gestores”.

Conheça os diferenciais e vantagens da Robbyson

Apesar da velocidade da implementação da Robbyson, todo o processo é baseado no customer success. Ou seja, um grupo de profissionais é destinado exclusivamente para direcionar o cliente para a melhor forma do uso da ferramenta — de como vai ser feita a comunicação até as técnicas de engajamento mais eficientes.

“Estamos sempre presentes e disponíveis ao cliente. Nós transferimos nosso conhecimento e damos o suporte onde houver necessidade. Em empresas mais maduras em relação à gestão de dados, nosso papel se torna mais técnico. Quando a organização interna não está nesse nível, oferecemos uma consultoria não apenas técnica, mas também de negócios e gestão”.

Para Klein, porém, a plataforma oferece diferenciais ainda maiores — principalmente em seu conceito. Como objetivo é estimular o reconhecimento e valorização dos profissionais, os meios para alcançar isso são diferentes dos demais concorrentes.

“A Robbyson é uma plataforma de gestão de indicadores — quando você pensa apenas em gamificação, nós temos inúmeros concorrentes. A diferença é que eles são focados muito mais no processo de capacitação ou em campanhas pontuais voltadas para a competição interna”.

A meritocracia na Robbyson, porém, não significa criar uma competição entre a equipe. O objetivo é promover a colaboração no ambiente de trabalho. A longo prazo, essa é uma eficiente maneira de incentivar os profissionais e aumentar o engajamento de todos.

“Por mais que você tenha outras empresas que coloquem indicadores dentro do processo de gamificação, o foco não é a colaboração, mas sim a competição. O nosso procedimento se baseia em dados para mostrar que todos os profissionais podem melhorar”.

Mas não é apenas no conceito que a ferramenta se diferencia das demais. Afinal, a tecnologia para otimizar o processo de adaptação também se torna um recurso válido.

“Um segundo ponto é a nossa capacidade de integração de dados muito superior. Atualmente, conseguimos ir da planilha à integração via API, otimizando mais uma etapa do processo”.

A implementação da Robbyson, porém, é pensada exclusivamente na experiência e na satisfação do cliente. O objetivo não é impor um método de trabalho, mas sim auxiliar cada gestor a encontrar o processo que funciona melhor. No fim, a meta é a mesma: potencializar o desempenho de cada profissional dentro de uma equipe e, consequentemente, alcançar melhores resultados.

Agora que você já sabe como funciona o processo de implementação da Robbyson e os diferenciais da plataforma, que tal conhecer um pouco mais sobre a solução? Entre em contato conosco, conheça as funcionalidades e otimize o rendimento de toda a sua equipe!

Você também pode gostar

Deixe um comentário